29.4.08

10 por 25

Ai como ele gatinha tão bem!

Há um certo ar de choque na cara de mãe e avós (são sempre estas quem o manifesta) quando vêm o mais novo de gatas ou em pé a passear alegremente pelo parque infantil. As comparações são inevitáveis.

Olha como aquele menino tão pequenino já anda tão bem!

Acabo sempre por me sentir na obrigação de justificar que ele afinal até já tem idade para andar e até já diz "olá" e "mamã" e "papá". Acabo por me sentir na obrigação de terminar com o mistério e dizer-lhes que ele afinal já tem um ano e até já sabe onde está o pé e a mão e o nariz que até faz trim-trim e diz adeus e faz birras e tudo o que fazem os meninos de um ano. Há um lado engraçado em ter um filho pequeno. Mas qualquer dia deixo-me de justificações...

5 comentários:

Mar disse...

Como te entendo! ;)

(e há um lado económico em ter um filho pequeno - a roupa dura mais tempo)

scaf disse...

e eu tenho algo ainda mais caricato: "aahhh, que menina tão grande!Não parece nada ter 3 anos! Sai mesmo ao pai!!" (porque o pai tem 2 metros)
Não tinha nada especial, não fosse ela estar num normalissimo percentil 50 :P

LP disse...

Eu, se fosse a ti, não dizia nada. Ou dizia "pois é, começou a andar aos 6 meses".

maria qualquer coisa disse...

aquela coisa de opinar o alheio n é? querendo que dali se desenrole a nossa vida toda... lol

beijos

flores disse...

É confirmar: é um génio de facto. :)

Blog Archive