23.10.08

19 meses e eu escrevo tão pouco sobre ele

mãe!

Estava lindo hoje de manhã quando me entrou pela cozinha. O babygow, o ar estremunhado. A luz que ainda lhe fere os olhos. Quer um banco também para ele e assiste à cena (que é uma cena) do irmão a fazer o seu próprio cerelac. [Um rapaz que já faz o seu próprio cerelac ainda tem idade para comer papa ao pequeno-almoço, não tem?] É lindo o meu filho mais novo. Às vezes olho-o de fora de mim mesma se isso é possível a uma mãe! Às vezes tenho falta dele e nem quero pensar nas vezes que ele terá falta de mim. É muito menos chorão e choramingas do que o irmão, isso é uma certeza!

Adoro a forma como nos olha quando faz aseneira. Ignora-nos de todo quando lhe ralhamos e desvaloriza totalmente qualquer tipo de reprimenda. Fala. Fala e eu nunca escrevi sobre isso. Há tanta coisa dele que eu ainda não registei aqui, aqui, repito! Hoje veio trazer-me os óculos e disse "óculos". Canta. Canta mesmo! Se vê sapatos pela casa entrega-os ao dono. pai, papato, pai. Se o irmão está calçado ele está calçado. Se o irmão anda descalço ele anda descalço. Das gracinhas e cómicos de situação o mais delicioso, para mim, é vê-lo sentado no bacio ao contrário e vestido. No fim (?) tira papel higiénico e limpa o rabo. A teoria já ele tem.

4 comentários:

Mãe da malta disse...

Nunca me vou esquecer que o teu filho trata o mano por Bá, como o meu (o meu continua) :)

Sabes o que te digo, são os segundos, criam-se sozinhos, são independentes, e precisamos nós mais deles que eles de nós. :(

E são tão lindos! O meu, o teu e todos os segundos.

(e eu hoje estou tão lamechas)

Zuza disse...

depois do comentário da mãe era um viva aos 2ºs não? :DD

eu às vezes olho-as fora da minha condição de manhe. é tão estranho. são segundos, mas ainda assim estranho. o suficiente para levar um estalo de realidade.

Paula disse...

Tenho saudades dele, sabes?
Beijos

flores disse...

Viva aos 2.os. :D

Blog Archive