3.9.08

regresso à escola

Depois da aldeia fomos para a praia. Voltei depois de muitos anos a entrar num parque aquático. Os miúdos divertiram-se imenso e nós também. Eu fiquei com pena de vir embora e agarrei na mão dele e fugimos, literalmente, para só mais uma vez. Ele vibrou com a minha reacção mais do que com a descida. Desceu tudo o que pode com um sorriso de felicidade que acredito só as crianças conseguem ter na cara. As férias foram boas, nem curtas nem longas, foram boas. O regresso custa sempre, já se sabe. O mais novo na escola de sempre chora e o mais velho na escola nova faz-se de forte!

1 comentário:

Blog Archive